Prós e Contras de viajar sozinha

Muitas pessoas não tem coragem de viajar sozinha, mas apesar dos medos que rodeiam nossa cabeça há muitos pontos positivos. Um deles e talvez o mais importante é se conhecer melhor!

Sobre os contras, ai estão alguns deles. Talvez sabendo quais são eles você fique mais tranquila e embarque no próximo avião!

PRÓS DE VIAJAR SOZINHA:

1. Liberdade

Viajar sozinha significa fazer seu roteiro, mudá-lo a qualquer momento, comer onde quiser comer, fazer o que quiser fazer, mesmo que seja passar o dia trancada no hotel ou se alimentar de sorvete por uma semana. A liberdade faz você fazer tudo mais rápido, já que não precisa esperar ninguém pra nada, acaba que consegue ficar menos dias em uma cidade e fazer a mesma quantidade de coisas que um grupo que ficou até dias a mais. Além disso, não precisa ficar esperando alguém poder casar as férias, decidir se quer ir mesmo… É juntar dinheiro e arrumar as malas!

2. Ficar sozinha e ser feliz assim

Muita gente tem muita dificuldade de ficar só e viajar desse jeito ajuda muito a trabalhar esse medo. É um crescimento pessoal também de inspirar a se ouvir, curtir a sua companhia e um tempo com você, longe de todo mundo.

3. Aprender a se respeitar

Não quer ir naquele museu que todo mundo vai? Ok, vá pra outro lugar. Está cansada, precisa dormir? Ótimo, faça isso. Viajar sozinha estimula você a respeitar sua mente e seu corpo. Se ouvindo melhor, você melhora em muitos aspectos da vida, viajando ou não.

4. Controlar seus gastos

Como não tem ninguém com você pra sugerir aquele programa mais caro ou aquele restaurante acima do orçamento, você controla melhor os seus gastos. Sem a influência de terceiros, você faz o que quer também em relação à parte financeira.

5. Aumenta sua autoestima

Depois da minha viagem para a Bolívia, qualquer problema que aparece me faz pensar que se sobrevivi aqueles 2 meses, consigo fazer qualquer coisa. Sem ninguém para te ajudar em viagens, você tem que resolver todos os pepinos que aparecem. Não rola dar as coisas na mão da amiga, da mãe, do namorado porque não vai ter ninguém para te ajudar, a iniciativa é sua. E se não souber a língua, vai na mímica mesmo!

CONTRAS DE VIAJAR SOZINHA

1. Solidão

É mentira se eu falar que não bate de vez em quando. Tem momentos em que você gostaria de ter alguém para dividir a informação, a risada ou apenas compartilhar a visão. Por mais independente e acostumada a viajar que você seja, esse sentimento bate de vez em quando, não tem jeito.

2. É mais caro

Como preços para grupos são mais baratos, alguns pratos poderiam ser divididos e alguns hostels oferecem quartos quádruplos mais baratos do que o aluguel de uma cama, pode-se considerar que viajar sozinha é mais caro.

3. Vida noturna

Em algumas cidades é relativamente tranquilo voltar de madrugada para o hotel sozinha, mas em outras isso pode ficar mais complicado. Quando viajo sozinha, evito beber muito, infelizmente vivemos em um mundo machista em que muita coisa pode acontecer se estivermos em um estado mais suscetível. Obviamente a culpa não é nossa e nem deveria ser assim.

4. Insegurança

Isso não acontece em todas as cidades. Mas ser mulher e viajar sozinha pode representar insegurança em andar em certos lugares, sim. Tem cidades em que os homens mexem mais. Tem partes mais perigosas, mais escuras, etc. Isso traz medo de ficar zanzando sem ninguém para ajudar em caso de necessidade.

5. Ficar doente

Espero que não aconteça com ninguém. Mas já aconteceu comigo mais de uma vez de adoecer em viagem e estar sozinha. É horrível porque, além de ter que manter a calma e se tratar, ainda tem que ir atrás de comida, água e tudo mais que for necessário naquele período de tempo. Se estivesse com mais alguém, provavelmente seria mais fácil. Passar mal enquanto esta viajando é uma chatice.

Quer saber mais sobre a viagem da Paula? Fique de olho no blog Paula Drummond.

2017-09-08T07:54:23+00:00