Las Vegas e Nova Iorque em uma viagem sozinha

A Cris nunca teve medo de encarar uma viagem sozinha, já desbravou muitos destinos e não espera companhia para cair na estrada! Aqui ela conta em um delicioso relato da sua experiência por Nova Iorque e Las Vegas nos Estados Unidos em pleno inverno.

Você vai querer ir correndo fazer as malas!

História de viagem

“Um taxista sírio que falava italiano me perguntou porque nós brasileiros dificilmente falamos inglês (vai entender??)
Conheci mexicanas a caminho do outlet North Vegas;
Conversei com brasileiros na parada de ônibus;
Colombianos tiraram fotos minhas em frente ao meu hotel em Vegas;
Conheci uma vendedora brasileira na MK de Vegas;
Passei a noite de Réveillon com um grupo de Seattle;
Ri muito com a hostess cubana do meu hotel;
Tirei foto de um casal colombiano;
Dei informações para um casal venezuelano;
Uma das boates mais badaladas de Vegas tem um brasileiro que me atendeu e colocou meu nome na lista;
Conheci uma casal de Campinas a caminho da Freemont Street;
Convenci um taxista americano que não falava espanhol e eu nada de inglês para me levar na placa Welcome Vegas e tirar fotos minhas mostrando imagens da placa;
Encontrei meu primo e a namorada em NY e só não rimos, bebemos e pagamos mais micos homéricos porque eles foram embora antes;

Conhecer pessoas de várias nacionalidades em uma viagem sozinha

Conheci um mexicano no metrô que me informou onde eu pegaria a barca para ver a Estátua da Liberdade;
Ri com americanos de uma senhora muito bêbada que estava na barca ao meio dia derrubando cerveja para todo lado;
Japoneses tiraram fotos minhas em Wall Street;
Conversei a respeito de informática com um vendedor judeu que fala português de tanto atender brasileiros;
Conheci um casal romeno no elevador do meu hotel em NY;
Conheci uma brasileira em frente a New York Public Library;
Conversei com um peruano funcionário do hotel a respeito do seu país.

Medo de viajar sozinha

Então para todos que possuem medo de viajarem sozinhos, principalmente as mulheres que conheço NÃO tenham!! A experiência que se adquire, as culturas que se compartilha, a maturidade necessária e a autoconfiança que uma viagem sozinha proporciona, não há compra de roupa, sapato, troca de carro, namorado ou marido que possam chegar perto das emoções que se usufrui!

Não deixem de fazer por medo ou falta de companhia.

 

Relato por Cris Paiva

 

2017-07-23T13:42:06+00:00